12 de set de 2008

Depoimentos de uma Vivência Feminina

Círculo Feminino
Vivência Terapêutica "La Loba"
Resgatando a Mulher Selvagem - 06 e 07 de setembro de 2008
Serra Gaúcha


"Olá, é muito gostoso sintonizar a energia do grupo e sentir a energia feminina tomar conta do meu ser, o curso foi maravilhoso, cada mulher do grupo trouxe um pedaço de mim que estava esquecido em algum canto, trancado pela necessidade e cobrança de agir pautada num modelo masculino.
É como se o meu melhor e a energia feminina, não fossem bem aceitas e valorizadas nesse mundo masculinizado e, agora pude resgatá-la compreendendo e aceitando que é isso que eu sou: mulher.
Está sendo fantástico, uma nova experiência e sem dúvida uma bela e doce etapa!
Adoro vocês!
Grata"!
Deise


"Meninas,
Antes de tudo muito obrigada! Vocês não sabem o quanto esta última vivência já me transformou! Estou me sentindo mais forte e capaz, pronta pra encarar qualquer coisa! Obrigada, por terem cruzado o meu caminho.Obrigada por serem o meio para eu chegar a mim mesma!Podem contar com a minha presença na próxima vivência!

Gostaria de agradecer imensamente a cada uma pelos momentos reveladores desta vivência que realmente me tocou e me transformou como mulher. Todas vocês foram essenciais para eu chegar a mim mesma, para eu curar o meu feminino. Muito obrigada!
Dedi...tô cuidando bem do filtro dos sonhos, coloquei junto a minha cama!
Alice...guarda bem a canga! (eheheheheh... estou ainda exercitando o desapego)".
bjs, Dani


"Vocês são mulheres admiráveis, estão no meu pensamento, ainda está forte a vivência do final de semana em mim. Quero compartilhar que o trabalho foi bastante intenso para mim também. É impressionante como o círculo age... aquilo que tem que ser mechido é mechido, quando é a hora é a hora... quando a consciência está pronta para captar do inconsciente aqueles aspectos que devem ser curados e você não compreende ou pensa que pode deixar para mais tarde... o coiote se apresenta! Sempre que entro no círculo, entro plena de amor de entrega e de confiança e sempre disposta a me curar. Este trabalho é maravilhoso, somos o sonho e somos a sonhadora, somos a teia e somos quem a tece, somos a cura e somos a curadora.
Amo fazer parte deste Clã e divido minha alegria com vocês, minhas irmãs, minhas mães e minhas filhas.
Sou grata a Grande Mãe e ao Grande Mistério por tê-las encontrado em minha caminhada, que possamos muitas vezes mais cantar e dançar juntas. HEI"!
Abraços,
Ana Paula Andrade

Nenhum comentário:

Se algum artigo neste blog estiver como "autoria desconhecida" e você souber informar, agradecemos e faremos a devida correção. Solicitamos também que, ao ser extraída qualquer informação desta página, seja adicionada à devida autoria ou endereço:
http://clafilhasdalua.blogspot.com/