30 de ago de 2010

Ovários policísticos

Olá lindas flores, tecendo na net em um dos grupos de discussões que participo, surgiram temas que com certeza interessam a muitas de nós... por isso pedi permisão à Carla, que é naturóloga, atuando em São Paulo, para postar sua contribuição aqui em nosso blog,  pois gostei muito da partilha dela. 

Grata Carla, beijo no seu coração.
Ana Andrade

Sei que a síndrome dos ovários policísticos tem causas multiplas, mas a principal delas é a resistência ao hormônio insulina. Isto já está comprovado cientificamente, tanto que alguns médicos tratam a SOP (SÍNDROME ABREVIADA) com medicamentos utilizados nos controle da diabetes (CLORIDRATO DE METFORMINA).

Sabendo disso e sendo portadora da síndrome (ou melhor ex-portadora), resolvi diminuir as taxas de glicose em minha corrente sanguínea adotando mudanças na minha alimentação e consegui não ter mais cistos em meu ovário! Eu fiz o seguinte: adotei uma dieta sem carboidratos simples (pão branco, arroz branco, doces e açúcar) só como carboidratos integrais, cortei o leite e a carne (todas). Abuso de frutas, legumes e verduras e hoje sigo a dieta do tipo sanguíneo, faço suplementação de vitaminas com 1 comprimido diário. Com esta dieta emagreci vários quilos, não tenho mais a síndrome, minha menstruação chega linda toda lua cheia, sem atrasos e sinto muita energia, é tanta energia que eu nem sei explicar! Meu cabelo parou de cair (eu nem acredito) e minha pele está muito menos oleosa e a acne eu trato só com sabonete próprio para pele acnéica.

Faço caminhadas, todos os dias e ano que vem volto para a Yoga, que eu nunca deveria ter deixado de praticar.
 
Quanto ao anticoncepcional falo da minha experiência, na Clínica: Trato de uma cliente que usou por muitos anos o anticoncepcional  e desenvolveu um ADENOMA HEPATOCELULAR (Tumor benigno do fígado), estamos tratando com homeopatia, dieta e fitoterapia e  tenho fé que este nódulo vai desaparecer. Seu médico disse claramente que este tipo de tumor é causado pelo uso de anticoncepcionais. Pesquisei na internet e encontrei as mesmas informações (Quem quiser, é só pesquisar no GOOGLE). Até o fim do ano talvez ela tenha que fazer uma cirurgia para retirar o tumor, mas tenho fé em Deus e na Deusa que seu corpo será limpo de forma completa.

Este assunto não é divulgado pela mídia  e os casos de tumores no fígado estão só aumentando (Antes de 1960 este tipo de tumor sequer existia) e a INDÚSTRIA DOS LABORATÓRIOS cala a boca de todos, então eu peço a vcs:

1- Que não utilizem anticoncepcionais hormonais, procurem evitar a gravidez através de métodos naturais: camisinha + tabelinha é show!, pras mais desconfiadas tem DIU, Diafragma, enfim...tem outros métodos que não vão fazer vcs terem um tumor no fígado de 3,5 cm, como minha cliente.

2- Se não seguirem meu conselho e utilizarem, verifiquem através de ultrassom de abdômem (anualmente) como está o fígado de vcs, pois se ela demorasse mais para descobrir (ela não sentia nada, o nódulo foi achado em um exame de rotina) este tipo de tumor poderia malignizar ou, ainda, romper dentro do seu corpo e ela ter que ser submetida a uma cirurgia de emergência.

Espero ter ajudado e lembrem-se: toda vez que nós interrompemos um processo orgânico natural através de métodos artificiais, mágica não acontece, o que acontece então? Com certeza, outro órgão é atacado...é o caso dos desodorantes antitranspirantes, se a gente usa e para de suar, pra onde vai o suor? Pensem nisso...

Com amor, sigamos juntas!

CARLA LINDOLFO
 

2 comentários:

Bárbara disse...

Perfeito!

Deixei de usar anticoncepcional hormonal há cinco anos (estou casada há seis e somente agora estamos pensando em engravidar) e sinto meu corpo leve, purificado, meu ciclo menstrual é super saudável (sem tpm, cólica que passa com uma xícara de chá), a pele é boa... E não era assim... era tudo muito ruim com os hormonios.

Trabalho com Ayurveda voltado à saúde da mulher e fico muito feliz sempre que uma paciente resolve abandonar o caminho hormonal para viver sua plenitude feminina.

Jay Maa!

Clã Filhas da Lua disse...

Jay Aho Bárbara, grata por seu comentário. Também sou casada, não tomo anti-concepcionais e nunca levei nenhum "susto". Assim como você, as manifestações do meu ciclo são de acordo com meu estado de espírito.
Sigamos conectadas, na busca e na reverberação de um Feminino pleno e empoderado.
Beijo grande,
Ana Andrade

Se algum artigo neste blog estiver como "autoria desconhecida" e você souber informar, agradecemos e faremos a devida correção. Solicitamos também que, ao ser extraída qualquer informação desta página, seja adicionada à devida autoria ou endereço:
http://clafilhasdalua.blogspot.com/