13 de jun de 2010

Lua Nova de junho/2010

Resumo o encontro da Lua Nova de junho/2010 com a seguinte frase do amado Osho:  "Seja nada, e então tornar-se-á oceânico. Até uma gota de orvalho numa flor de lótus treme quando vai se desprender. Ela sabe que faz parte do oceano, mas ela teme, porque ela vai ter que morrer para isso. Não é uma morte física, é uma morte daquilo que ela foi um dia. Crie coragem e mude tudo em sua vida. Morra para tudo aquilo que você não quer ser. Promova um renascimento de si mesmo".
 



 Adiante que o tempo uuuurge.

Nenhum comentário:

Se algum artigo neste blog estiver como "autoria desconhecida" e você souber informar, agradecemos e faremos a devida correção. Solicitamos também que, ao ser extraída qualquer informação desta página, seja adicionada à devida autoria ou endereço:
http://clafilhasdalua.blogspot.com/